Como aumentar as vendas em tempos de crise? É hora de renovar o Ponto de Venda

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

cc87930cdc0811548d91f6772e4bff46 Como aumentar as vendas em tempos de crise? É hora de renovar o Ponto de Venda

Não é novidade que em tempos de crise o comércio fica estagnado, que o consumo enfrenta uma retração, e que o comprador fica receoso em gastar.

Nesse contexto, como aumentar vendas em tempos de crise?

Um dica é levar em consideração a onda que tomou conta do consumidor brasileiro há alguns anos, ávido por comprar itens que antes não entravam em sua perspectiva e em seus hábitos de consumo, e que foram facilitados pelo crédito amplo com juros mais baixos.

Neste texto, você vai ver algumas dicas de como aumentar dicas em tempos de crise.

Veja também: 6 dicas infalíveis para aumentar as vendas

Como aumentar as vendas em tempos de crise

Essa situação de consumo acelerado virou passado de uma hora para outra, sem avisar aos desatentos consumidores que isso aconteceria em breve, e que pegaria a todos desprevenidos.

Mas, como bem disse Bruno Falci, presidente do CDL-BH:

“todos estão de braços cruzados, esperando como vai ficar o país”.

Vale tanto para varejistas quanto para consumidores. Bem, mas isso tudo é mais complexo, e vamos deixar os especialistas em economia analisarem esses pontos.

O nosso negócio é outro, o ponto de venda!

  • O que vender em tempos de crise?
  • Como atrair clientes na crise?
  • O que fazer no ponto de venda em tempos de crise?

Quer respostas para essas e outras perguntas? Continue a leitura!

Leia mais: Como aumentar as vendas no Natal: aproveite essa oportunidade!

É hora de renovar!

Como melhorar as vendas em época de crise? Vamos analiser um pouco o papel do varejo nas crises?

Mas o que tem o varejo a ver com isso?

Muito mais do que podemos supor.

Se há menos emprego e menor disponibilidade de crédito na praça, as vendas caem significativamente. Especialmente de itens considerados supérfluos, como lazer, vestuário, turismo e beleza.

Para os itens de necessidade básica, como alimentação e artigos de uso pessoal, a queda no percentual de vendas é menor que nos demais setores.

Mas o que deduzir disso? Será que existe alternativa, aquela luz no fim do túnel, que pode nos mostrar como aumentar as vendas em tempos de crise? Sim, existe, e depende da atuação firme dos empresários do varejo que possuem visão estratégica e disposição para enfrentar as crises.

1- Faça promoções inteligentes

Em momentos assim, é comprovado que o consumidor, receoso dos seus gastos, terá a tendência em priorizar ainda mais a compra em varejistas que estejam alinhados à nova situação econômica dos seus clientes: fazendo promoções e facilitando o pagamento.

Não há como aumentar vendas em tempos de crise sem se alinhar com o consumidor.

Indo mais à frente: esse varejista tem de se conscientizar da oportunidade de largar na frente da concorrência. Assim, é preciso apresentar um ponto de venda atualizado, renovado, adaptado às boas práticas e tendências mais modernas em arquitetura de varejo.

Deverá demonstrar que a sua intenção é investir diferente dos demais, que a sua pretensão é fidelizar cada vez mais o seu consumidor.

Assim, torna-se evidente que o seu cliente terá mais motivos para visitar a sua loja, que terá muito mais atrativos do que aquelas que pararam no tempo, e ficam lamentando a situação.

Estão ainda naquela época de permanecer com as lâmpadas apagadas durante o dia. Ou de fazer uma fachada bonita e esquecer do interior, onde as mercadorias ficavam expostas dentro de plásticos ou caixas.

2- Tenha vendedores ativos

São as mesmas lojas onde os vendedores permaneciam atrás dos balcões lotados de produtos. Que sumiam no meio de tanta desorganização e falta de foco, sem departamentalização e setorização das mercadorias.

Não havia a possibilidade de exposição sazonal para promoções ou um leiaute que permitisse a rotatividade dos itens expostos.

Nunca fizeram parte da linguagem desse tipo de comércio, que ainda é muito comum até hoje, especialmente nas lojas de rua e de centro das cidades.

Realmente, assim, não tem como aumentar as vendas em tempos de crise.

3- Invista no ponto de venda

O momento pode ser o adequado para que varejistas de visão e sem receio de prosseguirem nos seus negócios, possam investir nos pontos de venda. Dando, assim, o “pulo do gato” que os seus consumidores estão ansiosamente esperando, curiosos em fazerem uma visita às lojas renovadas.

Percebam que é um forte apelo para trazer esses clientes de volta, possibilitando o aumento da conversão de vendas.

Se o consumidor está mesmo mais racional, buscando itens básicos no dia-a-dia, nada melhor do que aproveitar-se dessa situação e promover o aspecto intangível de prazer que esse comprador irá experimentar ao percorrer um ponto de venda que despertará a atenção, aguçará os sentidos e encantará os olhos.

Portanto, mãos à obra, não percam a oportunidade, que a hora é essa!

* Carlinhos Barros Santos

Confira também em nosso blog: 6 estratégias de vendas no varejo para lojas físicas e virtuais [PRO]

Quer mais algumas dicas de como aumentar vender mais em tempos de crise? Então, assista a este vídeo do canal SuperVendedores:

O Nérus é um ERP para varejo que pode ajudar seu negócio a vencer a crise. Com um excelente custo benefício, conta com as funcionalidades que você precisa, porque foi criado por especialistas em varejo.

Aliás, quer estar sempre ligado nas novidades da sua área? Então, conheça a revista Update