Como vender por marketplace? Tudo sobre documentação, plataformas e as melhores dicas

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

Como vender por marketplace? O primeiro passo é escolher os produtos que você deseja comercializar. A partir disso selecione a plataforma que deseja ter como parceira e entenda os termos de uso de cada sistema.

Cada marketplace possui uma política de parceria. O Mercado Livre por exemplo não exige nada além de um cadastro gratuito como vendedor. Você faz o cadastro e começa a vender na hora!

Já para vender na Americanas.com, que faz parte da B2W Marketplace, é necessário ter um CNPJ, fazer um cadastro prévio que será analisado pela equipe responsável do grupo. Com sua candidatura aprovada você deverá configurar sua página de produtos dentro do sistema e acompanhar suas vendas.

Como você pode perceber, nos dois casos é fácil aprender como vender por marketplace!

Entretanto, algumas dicas podem tornar seu negócio mais lucrativo, por isso acompanhe nosso guia de marketplace na prática.

Como vender por marketplace na prática? Passo a passo

# 1 Preciso ter uma loja virtual para vender por marketplace?

Essa não é exatamente uma dica de como vender por marketplace, mas é a dúvida de muitos empreendedores que deseja começar sua empreitada como varejista digital.

Não é necessário ter uma loja virtual para começar a vender por marketplace, entretanto, como vimos acima, algumas plataformas exigem que você tenha um CNPJ.

Você pode ser MEI, ser da indústria, um distribuidor, ter uma loja física ou um e-commerce, qualquer opção vale!

Entretanto, se você está considerando ter uma loja virtual, indicamos a leitura do artigo; Como abrir uma loja virtual de sucesso: pense nesses 5 pontos!”.

Ao mesmo tempo você não precisa escolher entre marketplace ou e-commerce, é possível realizar vendas nas duas plataformas, inclusive, atualmente já existem plataformas de e-commerce que integram estoques e gestão financeira, para tornar mais fácil a venda em marketplaces.

# 2 Escolha o marketplace pelo qual você deseja vender

Existem muitas plataformas de marketplaces entre elas:

  • Amazon;
  • Submarino;
  • Magazine Luiza;
  • Zattini;
  • Netshoes;
  • Polishop
  • Mercado Livre etc.

Uma das dicas para escolher o marketplace ideal para o seu negócio é entender o nicho de mercado que aquele canal atende.

Por exemplo, se você deseja vender materiais esportivos, melhor do que escolher o Magazine Luiza é optar pela Netshoes.

Hoje em dia os marketplaces estão aceitando diferentes tipos de produtos para a venda em suas redes, entretanto, será que usuário que está procurando um tênis para corrida vai acessar o site da Magalu ou a Netshoes?

A verdade é que atualmente não é necessário escolher apenas um marketplace, entretanto, quando se está começando, fazer a gestão de muitos canais pode ser complicado e por isso priorizar pode ser a melhor opção para você.

#3 Organize a sua documentação

Como dissemos acima, alguns marketplaces vão exigir o cadastro com um CNPJ, outros vão solicitar uma lista de documentos, como:

  • Comprovante de Inscrição Estadual
  • Declaração do regime de tributação
  • Consulta Pública ao Cadastro do Estado (SINTEGRA – ICMS)
  • Alvará de funcionamento do estabelecimento (localidade) que irá disponibilizar produtos
  • Certidões Negativas de Débitos Tributários, Trabalhistas, Débitos Previdenciários, Falência e Concordata;
  • Certidão de distribuição de ações e execuções cíveis e criminais da Justiça Federal
  • Contrato Social atualizado, entre outros documentos.

Após o seu cadastro de solicitação de parceria, feito no site do canal que você deseja vender, é provável que a empresa envie por e-mail uma lista com documentos e requisitos necessários.

Não se assuste com essa etapas de como vender por marketplace. A maioria desses documentos você retira pela internet gratuitamente, usando apenas o número do CNPJ.

#4 Cadastre seus produtos

Após a autorização de venda, o marketplace enviará os dados de acesso a sua área administrativa do sistema, para que você possa começar a vender.

Fique tranquilo! Ninguém tem acesso a sua plataforma, assim como você não tem acesso aos dados de ninguém.

Cadastre seus produtos lembrando de incluir:

  • imagens;
  • título;
  • descrição do produto;
  • tamanho;
  • peso e medidas;
  • benefícios (uma boa descrição faz toda diferença na hora de vender);
  • política de frete;
  • preço.

Como falado anteriormente, caso você tenha uma loja virtual é possível realizar a integração do e-commerce com o sistema do marketplace.

Essa é uma grande vantagem visto que você diminuirá o volume de trabalho uma vez que não vai precisar, por exemplo, realizar o cadastro dos produtos duas vezes. Além disso é possível:

  • enviar automaticamente os produtos para o marketplace;
  • receber pedidos feitos pelo marketplace em sua plataforma de loja virtual;
  • garantir a atualização do estoque nas duas (ou mais) plataformas, entre outras vantagens.

#5 Comece a vender

O que é marketplace e como funciona as vendas por lá?

Dentro dessa modalidade, o marketplace é responsável por atrair o tráfego de usuários para o site e criar maneiras de converter esses usuários em clientes.

Todo o investimento em marketing e na infraestrutura da plataforma é realizado pelo marketplace.

Em contrapartida a cada venda realizada o parceiro deve realizar o pagamento de uma comissão ao marketplace. O pagamento dessa taxa só é realizado se uma venda acontecer.

#6 Organize a logística de entrega

Dentro do processo de como vender por marketplace é importante que você esteja atento a logística de entrega ao receber um pedido.

Lembre-se que a separação e entrega do produto é sua responsabilidade.

Você pode replicar a logística usada em seu e-commerce, caso tenha um.

#7 Mantenha-se atento e identifique oportunidades de negócio

Uma das vantagens de aprender como vender por marketplace é que você pode testar novos segmentos de venda sem precisar investir na construção de um novo site.

Fique atento às tendências do mercado e invista em outros setores.

Quer mais dicas de como vender por marketplace com sucesso e se destacar da concorrência? Assista ao vídeo abaixo:

Solução para o Marketplace

Se você quer ampliar o número de canais de venda do seu negócio de maneira profissional  e eficiente, conheça o Nérus O2. O Nérus O2 é um Superhub que permite a entrada de varejistas físicos (lojas físicas) no varejo on-line (Marketplace e e-commerce) integradas ao ERP do cliente, ou seja, sem precisar de trocar de ERP ou colocar outro ERP para e-commerce.

Segmentos de atuação: Móveis e Eletroeletrônicos, Material de Construção, Moda e Calçados e Autopeças.

Quer saber mais? Acesse nosso site ou envie uma mensagem para nós.

 

Preencha o formulário abaixo, que entraremos em contato.